07 de setembro de 2021 - 10:05

Tecnologia utilizada na vacina AstraZeneca poderá ajudar no combate ao câncer

Os primeiros testes levaram à redução do tamanho de tumores e aumentaram a taxa de sobrevivência de camundongos.
Por Flávio Max • Atualizado há 1 mês

Reprodução

Os cientistas responsáveis pela vacina contra covid-19 do consórcio entre a Universidade de Oxford, no Reino Unido, e a farmacêutica americana AstraZeneca, estão usando a mesma tecnologia para desenvolver uma injeção terapêutica contra o câncer. O estudo apresentou resultados promissores nos testes com cobaias.

A nova injeção usa o mesmo vetor da vacina AstraZeneca na primeira dose para transporte do código genético até o organismo, o que afeta duas proteínas presentes na superfície de muitos tipos de células cancerosas.

Segundo pesquisadores, os primeiros testes levaram à redução do tamanho do tumor e aumentaram a taxa de sobrevivência de camundongos. A nova tecnologia deve ser testada em humanos ainda este ano.

Ao vivo