21 de junho de 2022 - 09:22

PT denuncia responsáveis por ataque com drone em evento de Lula em Uberlândia

O documento foi entregue nas mãos do procurador-Geral de Justiça, Jarbas Soares Júnior.
Por Flávio Max • Atualizado há 2 semanas

Reprodução

O Partido dos Trabalhadores apresentou ontem no Ministério Público de Minas, uma denúncia contra os três suspeitos de operar o drone que jogou um suposto defensivo agrícola contra militantes em Uberlândia. 

O produto, que, segundo relatos, tinha forte mau cheiro, foi dispersado sobre quem esperava pelo ex-presidente Lula e pelo ex-prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, para o lançamento da aliança firmada entre os dois, na quarta-feira da semana passada.

O documento foi entregue nas mãos do procurador-Geral de Justiça, Jarbas Soares Júnior, pelo deputado federal e um dos coordenadores da pré-campanha de Lula no Estado, Reginaldo Lopes (PT). No Twitter, o parlamentar publicou o registro do encontro com o procurador para a entrega da representação. Lopes classificou o ato como um ataque à democracia e reforçou que os suspeitos cometeram diversos crimes, e por isso, o partido pede por “Justiça”. 

O procurador-Geral também divulgou o encontro em uma rede social. Jarbas Soares classificou o ato como ataque ao estado democrático de direito e afirmou que o procedimento de investigação sobre o caso será conduzido pelo Ministério Público em Uberlândia.

Ao vivo