29 de julho de 2021 - 10:06

Pedidos de seguro-desemprego têm queda de 21% no 1º semestre de 2021

A queda pode ser explicada por diversos fatores, que vão desde a elegibilidade para o benefício até a decisão da própria pessoa em dar entrada.
Por Flávio Max • Atualizado há 2 meses

Reprodução

Os pedidos de seguro-desemprego registraram uma queda de 21% no primeiro semestre deste ano em relação ao mesmo período do ano passado. De janeiro a junho de 2020, período marcado pelo início da pandemia de coronavírus, foram registrados 3,9 milhões de pedidos ante 3,1 milhão nos últimos seis meses de 2021.

O recorde foi em maio do ano passado, com 960.308, a maior marca da série histórica. Em junho deste ano, foram 483.233, retomando o patamar anterior à pandemia.

A queda pode ser explicada por diversos fatores, que vão desde a elegibilidade para o benefício até a decisão da própria pessoa em dar entrada no pedido.

De acordo com dados de junho do IBGE, mesmo com a melhora dos índices econômicos, o desemprego se mantém alto com 14,8 milhões de pessoas fora do mercado de trabalho.

Ao vivo