12 de Março de 2019 - 10:53

Polícia do Rio prende dois suspeitos de matar Marielle Franco

Foram presos, o policial militar reformado Ronnie Lessa, e o ex-policial militar Élcio Vieira de Queiroz.
Por Flávio Max • Atualizado há 1 semana

Reprodução

Policiais da Divisão de Homicídios e promotores do Ministério Público do Rio de Janeiro prenderam na madrugada de hoje (12), o policial militar reformado Ronnie Lessa, e o ex-policial militar Élcio Vieira de Queiroz, apontados como suspeitos pelos assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes.

Segundo as investigações, Ronnie fez os disparos contra a vereadora e Élcio dirigiu o carro usado para levar o executor. Ronnie estaria no banco de trás do veiculo.

O policial reformado foi levado para a Divisão de Homicídios do Rio por volta das 4h30 da manhã. A investigação ainda tenta esclarecer, no entanto, quem foram os mandantes do crime e a motivação.

A Operação Lume cumpre ainda 32 mandados de busca e apreensão contra os denunciados para apreender documentos, telefones celulares, notebooks, computadores, armas, acessórios, munição e outros objetos. Durante todo o dia, haverá buscas em dezenas de endereços de outros suspeitos.

Após a prisão de Ronnie, agentes fizeram varredura no terreno da casa dele e encontraram armas e facas. Detectores de metais vasculhavam o solo, e até uma caixa d’água foi vistoriada.

Os assassinatos completam um ano na próxima quinta-feira (14).

Ao vivo