24 de novembro de 2021 - 10:10

Ministério da Saúde recua e aguarda aval da Anvisa para liberar doses de reforço da Janssen

A nota técnica com a mudança já foi escrita, cabendo ao ministro, Marcelo Queiroga, determinar sua publicação.
Por Flávio Max • Atualizado há 1 semana

Foto: Raiza Milhomem

O Ministério da Saúde deve voltar atrás na orientação de aplicar duas doses de reforço da vacina da Janssen. A nota técnica com a mudança já foi escrita, cabendo ao ministro, Marcelo Queiroga, determinar sua publicação.

A expectativa é que a pasta aguarde a deliberação da Anvisa sobre o tema, cuja reunião está marcada para hoje (24). Na semana passada, Queiroga havia anunciado que quem tivesse tomado a vacina de dose única receberia mais uma aplicação do mesmo imunizante depois de dois meses e teria mais um reforço cinco meses após as duas doses da Janssen.

No entanto, essa não é a orientação da própria fabricante. Na Anvisa, a Janssen submeteu pedido de autorização para reforço com a mesma vacina — para adultos a partir de 18 anos, no mínimo dois meses após a vacinação primária. Não está prevista uma terceira aplicação, tampouco a mistura de doses de diferentes farmacêuticas.

Ao vivo