18 de fevereiro de 2021 - 09:19

Seis partidos pedem cassação de Daniel Silveira ao Conselho de Ética

O deputado foi preso na última terça-feira (16) após publicar um vídeo pedindo a destituição de ministros do STF.
Por Flávio Max • Atualizado há 2 semanas

Foto: Pedro Ladeira

Seis partidos apresentaram ontem (17) ao Conselho de Ética da Câmara dos Deputados uma representação na qual pediram a cassação do mandato do deputado Daniel Silveira por quebra de decoro parlamentar.

O documento é assinado por PT, PSB, PDT, PCdoB, PSOL e Rede. Suspenso desde o início da pandemia, o conselho vai ser reativado para analisar a situação do deputado.

A prisão de Daniel Silveira foi decretada na última terça-feira (16) pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), e referendada por unanimidade pelo plenário do tribunal.

Silveira foi preso após ter divulgado um vídeo no qual fez apologia ao Ato Institucional 5 (AI-5), instrumento de repressão mais duro da ditadura militar, e defendeu a destituição de ministros do STF.

Ontem, a Câmara dos Deputados foi oficialmente notificada pelo STF sobre a prisão de Silveira. O presidente da Câmara, Arthur Lira, afirmou que vai conduzir a análise da prisão de Silveira com consciência de suas “responsabilidades para com a Instituição e a Democracia”.

Ao vivo