05 de fevereiro de 2020 - 09:53

PF abre inquérito para investigar Wajngarten por suspeita de corrupção

Em nota, o secretário afirmou que agora terá oportunidade de provar que não cometeu qualquer irregularidade.
Por Flávio Max • Atualizado há 3 semanas

Foto: Alan Santos

A Polícia Federal abriu um inquérito para investigar supostas irregularidades cometidas pelo secretário de Comunicação Social da Presidência da República, Fábio Wajngarten. As informações são do Jornal Folha de São Paulo.

O objetivo é investigar indícios de corrupção, peculato e advocacia administrativa, que é quando o gestor usa cargo público para defender interesses privados.

Desde janeiro, a “Folha” vem publicando reportagens que apontam possível conflito de interesses envolvendo o secretário de Comunicação. Fábio Wajngarten é acionista de uma empresa de pesquisa e auditoria de mídia que presta serviços a algumas emissoras de TV e agências de publicidade.

Em nota, Wajngarten afirmou que com a abertura do inquérito ele terá oportunidade de provar que não cometeu qualquer irregularidade.

Ao vivo