07 de fevereiro de 2019 - 10:51

Governo Federal reconduz Marcelo Álvaro Antônio ao ‘Turismo’

Ele foi exonerado do ministério ontem, para tomar posse em mandato na Câmara dos Deputados.
Por Victor Fernandes • Atualizado há 2 meses

Foto: Câmara dos Deputados

O presidente Jair Bolsonaro voltou a nomear Marcelo Álvaro Antônio para o cargo de ministro do Turismo. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União de hoje (7).

Ontem, a publicação da exoneração do ministro gerou rumores de que ele teria sido demitido e não voltaria ao cargo, por força das denúncias do jornal “Folha de S. Paulo”, publicadas na ultima segunda-feira.

O jornal diz que Marcelo Álvaro teria patrocinado um esquema de candidaturas laranjas em Minas Gerais, cobrando um percentual do fundo partidário reservado às candidaturas de mulheres. Como presidente do PSL em Minas Gerais, segundo a Folha de São Paulo, ele teria direcionado essa verba para empresas ligadas ao seu gabinete na Câmara.

Após a divulgação de sua exoneração, o ministro foi às redes sociais explicar que se tratava de decisão temporária para assumir mandato na Câmara e que retornaria no dia seguinte.

Nesta quarta-feira, Álvaro Antônio foi ao plenário da Câmara em cadeira de rodas, permaneceu apenas o tempo necessário para que fosse cumprido o protocolo da posse e depois deixou a Casa. Ele afirmou ao jornal Valor Econômico que realizou uma cirurgia na perna.

Ao vivo