07 de novembro de 2019 - 11:27

Câmara aprova MP que aumenta saque do FGTS de R$ 500 para R$ 998

A mudança ainda precisa ser aprovada e sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro.
Por Flávio Max • Atualizado há 1 dia

Divulgação

A Câmara dos Deputados aprovou ontem (06), a medida provisória (MP) que cria novas modalidades de saque de recursos do FGTS.

Entre outros pontos, a MP também aumenta de R$ 500 para R$ 998 o limite do saque imediato para trabalhadores com saldo de até um salário mínimo.

Caso a mudança seja aprovada e sancionada pelo presidente da República, os clientes que se enquadram na regra do salário mínimo e já sacaram os R$ 500 poderão sacar os R$ 498 restantes;

Os deputados rejeitaram todos os destaques, propostas que poderiam mudar o texto do relator, deputado Hugo Motta. O texto segue agora para o Senado.

Ao vivo