28 de junho de 2022 - 09:05

Bolsonaro fala em comprar diesel russo após conversa com Putin

Se confirmada, a medida iria na contramão de vários países que têm adotado uma série de sanções contra os russos.
Por Flávio Max • Atualizado há 1 mês

Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro disse a apoiadores ontem que conversou por telefone com o presidente russo Vladimir Putin sobre trocas comerciais entre os dois países e sobre a possibilidade de comprar diesel da Rússia.

Durante cerimônia no Palácio do Planalto, Bolsonaro já havia mencionado a ligação com Putin e dito que o Brasil trataria a insegurança alimentar e a energética. No entanto, o presidente falou apenas que conversou com o líder russo sobre o comércio de fertilizantes.

Em comunicado divulgado pelo Kremlin, Putin confirmou o telefonema sobre a segurança alimentar global. Segundo a nota, o presidente russo disse a Bolsonaro que está “empenhado em cumprir suas obrigações de garantir o fornecimento ininterrupto de fertilizantes russos ao agronegócio brasileiro”.

Se confirmada, a medida iria na contramão de vários países que têm adotado uma série de sanções contra os russos — como o embargo a importações de petróleo e derivados — em razão do conflito com a Ucrânia, que já dura quatro meses.

O Brasil é considerado estruturalmente “deficitário” em óleo diesel. No ano passado, por exemplo, quase 30% da demanda total do país veio de fora.

Ao vivo