17 de junho de 2022 - 09:04

Arthur Lira chama Petrobras de inimiga do Brasil e promete ação

O congressista afirmou que vai convocar uma reunião com os líderes da câmara para discutir a política de preços da estatal.
Por Flávio Max • Atualizado há 2 meses

Foto: Joedson Alves

O presidente da Câmara, Arthur Lira (Progressistas), criticou a Petrobras na noite de ontem (16) pelo possível novo aumento no preço dos combustíveis.

Em seu perfil no Twitter, comparou a estatal a um “país independente” e disse que a empresa está “em declarado estado de guerra em relação ao Brasil e ao povo brasileiro” pelos reajustes dos combustíveis em 2022.

Lira chamou o possível aumento de “bombardeio” e afirmou que a Petrobras “age como amiga dos lucros bilionários e inimiga do Brasil”.

O congressista também afirmou que vai convocar na próxima segunda-feira (20) uma reunião com os líderes da câmara para discutir a política de preços da estatal.

A Petrobras alega que vem praticando preços no mercado interno abaixo do vendido no exterior, o que, em tese, estaria prejudica a lucratividade da empresa.

Ao vivo