04 de julho de 2022 - 09:30

Morre Sérgio Paulo Rouanet, autor da lei de incentivo à cultura

O diplomata era ocupante da cadeira de número 13 da Academia Brasileira de Letras, desde 1992.
Por Flávio Max • Atualizado há 1 mês

Reprodução

Morreu ontem (03) no Rio de Janeiro o diplomata, filósofo e imortal da Academia Brasileira de Letras, Sérgio Paulo Rouanet, aos 88 anos.

Ele foi o responsável pela criação da lei de incentivos fiscais à cultura, em 1991, quando exercia o cargo de secretário de Cultura durante o governo Collor. Por esse motivo, a legislação acabou sendo batizada com o seu nome e é conhecida hoje como Lei Rouanet.

O diplomata era ocupante da cadeira de número 13 da Academia Brasileira de Letras, desde 1992. Ele ainda, era antropólogo, professor universitário, tradutor e ensaísta.

Segundo informações do Instituto Rouanet, Sérgio Paulo foi vítima do avanço da síndrome de Parkinson’s, ele enfrentava a doença há vários anos. O acadêmico deixa a esposa e três filhos.

Ao vivo