10 de Janeiro de 2019 - 09:31

Zema promete corte de gastos e quer privatizar Cemig

O governador afirmou que vai enviar uma série de medidas à Assembleia Legislativa ainda no primeiro semestre deste ano.
Por Flávio Max • Atualizado há 2 meses

Foto: Fred Magno

O Governador de Minas Gerais, Romeu Zema destacou ontem (10), em entrevista a RecordTV Minas, as perspectivas e os principais desafios para a sua gestão nos próximos meses.

Zema disse que vai reduzir gastos do governo de Minas, por meio de uma série de medidas que pretende enviar à Assembleia Legislativa ainda no primeiro semestre deste ano.

O governador afirmou que um dos entraves para as contas públicas de Minas Gerais é a dívida que o estado tem com a União.

Segundo dados de novembro do ano passado, disponibilizados no Portal da Transparência do governo estadual, a dívida direta com a União chega a mais de 87 bilhões de reais.

De 2013 até o fim do ano passado, o montante cresceu quase 20 bilhões.

Zema também citou uma proposta de privatização da Cemig, a Companhia Energética de Minas Gerais, que deve ser encaminhada para apreciação dos deputados estaduais em breve.

Ao vivo