29 de janeiro de 2019 - 09:36

Zema anuncia que 13º dos servidores de Minas será pago em 11 vezes

Entre os servidores que ficaram sem receber o 13º, estão cerca de 280 bombeiros militares que atuam na catástrofe de Brumadinho.
Por Flávio Max • Atualizado há 4 meses

Foto: Isac Nóbrega

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, anunciou na noite de ontem (28), o modelo de pagamento do décimo terceiro salário de 2018 dos servidores do Estado.

De acordo com Zema, o pagamento será feito em onze parcelas a serem depositadas nas contas dos servidores no primeiro dia útil após o dia 20 de cada mês.

O anúncio do pagamento havia sido programado para a sexta-feira passada (25). No entanto, o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho adiou os planos do governador.

Os salários do funcionalismo vêm sendo pagos de forma escalonada desde fevereiro de 2016 e, ainda assim, ocorreram atrasos. Entre os servidores com salários parcelados e que ficaram sem receber o 13º, estão cerca de 280 bombeiros militares que atuam incansavelmente na catástrofe de Brumadinho.

Ao todo, 679.867 mil funcionários, sendo 256.081 inativos e 52.000 pensionistas, do Estado aguardam o recebimento do 13º salário não quitado por Pimentel.

Ao vivo