03 de novembro de 2018 - 10:59

Trump volta atrás e diz que imigrantes não serão atacados

O presidente americano havia afirmado que soldados enviados à fronteira com o México teriam liberdade para disparar contra imigrantes que atirassem pedras contra forças de segurança.
Por Flávio Max • Atualizado há 1 mês

Foto: Evan Vucci

O presidente americano Donald Trump voltou atrás, um dia depois de sugerir que soldados enviados à fronteira com o México teriam liberdade para disparar contra imigrantes que atirassem pedras contra forças de segurança.

A declaração inicial de Trump gerou críticas de grupos de defesa dos direitos humanos, que acusaram o presidente de explorar o medo às vésperas das eleições de meio de mandato.

Trump endureceu suas posição quanto à imigração numa tentativa de motivar sua base política para as eleições que definirão o próximo Congresso na próxima semana.

Sua legenda, o Partido Republicano, tem a difícil tarefa de manter o controle da Câmara, embora deva conquistar cadeiras no Senado.

Ao vivo