11 de outubro de 2018 - 19:19

Delações da Odebrecht permitiram a devolução de R$ 310,6 milhões aos cofres públicos

Os dados fazem parte de um balanço elaborado pelo gabinete do ministro Luiz Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no STF.
Por Flávio Max Da Silva • Atualizado há 2 meses

Reprodução - Estadão

As delações premiadas de executivos da empreiteira Odebrecht resultaram na devolução de R$ 310,6 milhões aos cofres públicos até o momento.

Os dados fazem parte de um balanço elaborado pelo gabinete do ministro Luiz Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF).

Dos 84 inquéritos abertos com as delações, 46 ainda estão em andamento no Supremo. Foram 77 colaboradores, dos quais 49 realizaram algum tipo de restituição aos cofres públicos.

Ao vivo