27 de Março de 2018 - 14:19

TJMG concede habeas corpus para David Thomaz

Diretor do Dmae havia sido detido, de forma preventiva, em março em consequência da Operação Poseidon.
Por Lorena Silva • Atualizado há 5 meses

Foto: Leonardo Leal

Os desembargadores da 4º Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), concederam hoje (27), por decisão unânime, o habeas corpus para o diretor-geral adjunto da Dmae e ex-vereador de Uberlândia, David Thomaz.

Thomaz foi detido, de forma preventiva, no dia 28 de fevereiro em consequência da Operação Poseidon que investiga fraude em contratos envolvendo o Dmae e a empresa Araguaia Engenharia. A ação aponta sobre possíveis desvios de recursos públicos que podem passar de R$ 8 milhões.

Na decisão, os desembargadores apontam que durante todo o período da ação o diretor esteve em liberdade, não representando nenhum obstáculo para a investigação.

 

 

Ao vivo