28 de Março de 2018 - 18:08

STF manda reforçar segurança de Fachin após ameaças

Presidente do Supremo enviou duas delegadas da Polícia Federal a Curitiba para avaliar o caso.
Por Flávio Max • Atualizado há 2 meses

Futura Press

O Supremo Tribunal Federal (STF), informou hoje (28), que reforçou a segurança do ministro Edson Fachin e de seus familiares.

A manifestação foi motivada por uma entrevista concedida por Fachin ontem (27), a um canal de TV, em que o ministro disse que sua família tem recebido ameaças.

O ministro, porém, não citou quais tipos de ameaças tem sofrido e como teriam ocorrido. Segundo Fachin, foram solicitadas providências à presidente da Corte, ministra Cármen Lúcia.

De acordo com nota divulgada pela presidência do STF, a ministra enviou duas delegadas da Polícia Federal (PF), para Curitiba, cidade de origem do ministro, para avaliar o esquema de segurança.

Ao vivo