30 de Março de 2018 - 16:38

Paulo Maluf deixa hospital no DF e vai para prisão domiciliar

Deputado estava internado desde quarta-feira, devido a dores lombares e infecção no pulmão.
Por Flávio Max • Atualizado há 7 meses

Reprodução / AFP

O deputado federal Paulo Maluf (PP-SP), deixou hoje (30), o Hospital Ortopédico e Medicina Especializada, em Brasília, e seguiu para São Paulo, onde, cumprirá prisão domiciliar. Maluf estava internado desde quarta-feira (29), devido a dores lombares e infecção no pulmão.

O boletim médico diz que o político, de 86 anos, apresentou “melhora significativa do quadro álgico lombar irradiado”. O boletim explica ainda que, após exames, foi constatada uma infecção no pulmão esquerdo e que Maluf está sendo tratado com antibiótico.

Maluf foi condenado no ano passado pelo crime de lavagem de dinheiro e cumpria pena no Presídio da Papuda, em Brasília.

O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu decretar prisão domiciliar pelo estado de saúde do parlamentar afastado. A decisão ainda deve ser submetida ao Plenário da Corte, em julgamento ainda sem data definida.

Ao vivo