01 de Março de 2018 - 13:38

Três pessoas são presas em nova fase da Operação Fenix em Uberlândia

Ação apura a participação de policiais civis e advogados em crimes de corrupção.
Por Lorena Silva • Atualizado há 6 meses

Foi deflagrada hoje (01) de manhã a 3ª fase da Operação “Fênix” em Uberlândia. A ação apura a participação de policiais civis e advogados da região em crimes de corrupção, além de outros delitos. O trabalho é desenvolvido pelo Ministério Público Estadual (MPE), por meio do Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado, o Gaeco.

Foram cumpridos mandados de prisão preventiva contra três pessoas, que inclusive, já estavam soltas como o ex-delegado e chefe do 9º Departamento de Polícia Civil de Uberlândia, Samuel Barreto, além do advogado de Patrocínio, Rômulo de Oliveira Rezende.

De acordo com o Gaeco, a decisão que concedeu liberdade para eles havia sido anulada.

 

Ao vivo