01 de agosto de 2017 - 14:55

Temer intensifica articulações para evitar denúncia

O peemedebista marcou audiências com 11 deputados governistas
Por Lorena Silva • Atualizado há 4 semanas

O presidente Michel Temer intensificou hoje (31) o chamado ‘corpo a corpo’ com os deputados para tentar virar votos e conseguir quorum para a sessão da Câmara que acontece amanhã, quando será votada a denúncia da procuradoria-geral da República contra do presidente, por corrupção passiva.

Com agenda cheia, o peemedebista marcou audiências com 11 deputados governistas, dos quais oito estão indecisos ou não manifestaram posicionamento.

O presidente almoçou hoje com deputados da Frente Parlamentar da Agropecuária, grupo pluripartidário que reúne cerca de 210 deputados da bancada ruralista.

Para tentar liquidar o processo amanhã, Michel Temer tem estimulado a comparecer em plenário integrantes da base aliada que votarão a favor da denúncia ou que declarem abstenção.

Nesta tarde, os aliados do governo vão fazer contas sobre a denúncia. De acordo com o vice-líder do governo, deputado Beto Mansur, o presidente tem hoje 280 votos a favor dele.

Apesar de suficiente para rejeitar a denúncia, o número, no entanto, é menor que o necessário para que a votação comece. Para isso é preciso que 342 deputados registrem presença em Plenário.

 

Ao vivo