20 de julho de 2017 - 09:46

Ricardo Teixeira é investigado por irregularidades em amistoso em 2010

Ele foi acusado em Madri de desvio de dinheiro dos jogos da seleção
Por Fernando Souza • Atualizado há 1 mês

Procuradores do Brasil irão investigar um dos maiores clássicos do mundo para determinar se o ex-presidente da CBF, Ricardo Teixeira cometeu tipo de irregularidade.

O Ministério Público Federal, MPF, recebeu informações de que o amistoso que foi disputado entre Brasil e Argentina no Catar, no ano de 2010, pode ter usado o sistema financeiro francês para desviar recursos, jamais declarados no Brasil. Essa informação também aponta a partida possa ter sido usada para “camuflar” pagamentos para garantir o voto de Teixeira ao Catar no processo de escolha da sede do Mundial de 2022.

Teixeira, que foi acusado em Madri de desvio de dinheiro dos jogos da seleção, teve uma ordem de prisão emitida na Espanha e a Procuradoria-Geral da República do Brasil, PGR, já foi informada da solicitação sobre o brasileiro.

 

Ao vivo