01 de agosto de 2017 - 15:26

Recurso sobre prisão de Aécio deve ser julgado neste mês

Ministro diz ainda que vai solicitar que defesa do senador se manifeste
Por Lorena Silva • Atualizado há 4 semanas

O ministro Marco Aurélio Mello do Supremo Tribunal Federal, o STF,  afirmou hoje (01) que vai solicitar que a defesa do senador Aécio Neves (PSDB) se manifeste sobre o novo pedido de prisão do senador feito pela Procuradoria-Geral da República antes de levar o caso para ser julgado pela 1° Turma do Supremo. O ministro disse acreditar que o caso deve ser julgado ainda este mês pela turma do STF.

A Procuradoria reiterou ontem o pedido de prisão do senador, ao recorrer da decisão de Marco Aurélio que determinou a volta ao mandato de Aécio.
O senador mineiro havia sido afastado do cargo por decisão do ministro Edson Fachin, motivado pelas delações de executivos do frigorífico JBS.

O procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, também voltou a pedir o afastamento de Aécio das funções parlamentares. O tucano é alvo de inquérito no STF (Supremo Tribunal Federal) pelos crimes de obstrução de Justiça e corrupção passiva. O senador nega as acusações.

Além de Marco Aurélio, compõem a Primeira Turma os ministros Luiz Fux, Rosa Weber, Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes.

 

Ao vivo