17 de julho de 2017 - 10:14

Prefeituras de Minas sofrem com queda na arrecadação

Tributos municipais representaram menos de 20% do valor movimentado nos cofres de 568 prefeituras
Por Fernando Souza • Atualizado há 1 mês

A baixa arrecadação expõe ineficiência das prefeituras em Minas Gerais. Os tributos municipais representaram menos de 20% do valor movimentado nos cofres de 568 prefeituras do estado durante todo o ano passado. Para 163 delas a situação é ainda pior, ou seja, mais de 90% da receita veio de repasses estaduais ou federais.

Em outras 75 a cobrança do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) não passou de R$ 5 mil em 2016. Em 55, a cobrança do Imposto sobre Transferência de Bens Imobiliários (ITBI) gerou menos de R$ 5 mil aos cofres da prefeitura. Em 114 a arrecadação ficou até 30% abaixo da previsão orçamentária.

 

Ao vivo