12 de julho de 2017 - 10:05

Maia volta a defender que denúncia contra Temer seja votada antes de agosto

"Do meu ponto de vista pessoal, não podemos deixar essa matéria para agosto", diz Maia
Por Fernando Souza • Atualizado há 1 mês

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), voltou a defender ontem, dia 11, que a denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB) seja votada pelo plenário da Casa antes de agosto. Maia afirmou que “O Brasil não pode ficar parado. É uma denúncia contra o presidente da República. É grave. Espero que a gente consiga votar essa matéria o mais breve possível. A votação no plenário precisa de um quórum muito alto, com dois terços. É importante que todos nós possamos entender que o Brasil não pode esperar 15 dias”, afirmou, prosseguindo: “Do meu ponto de vista pessoal, não podemos deixar essa matéria para agosto.”

Na última segunda-feira, dia 10, o relator da denúncia contra Michel Temer na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, deputado Sérgio Zveiter (PMDB-RJ), deu parecer favorável ao prosseguimento do processo. Ele argumentou: “A denúncia não é inepta. A acusação não é fantasiosa”, afirmou o relator, durante um dos momentos da leitura de seu voto.

Ao vivo