22 de julho de 2017 - 10:16

Maduro enfrenta crescente pressão contra a eleição de Assembleia Constituinte

Protestos já deixaram 103 mortos
Por Fernando Souza • Atualizado há 4 semanas

O presidente Nicolás Maduro, da Venezuela, enfrenta uma crescente pressão internacional e uma forte ofensiva da oposição contra a eleição de uma Assembleia Constituinte. Isso acontece em meio a quatro meses de protestos que já deixaram 103 mortos.

Durante uma sessão que ocorreu em uma praça localizada no leste de Caracas, a maioria opositora do Parlamento nomeou, ontem, dia 21, um tribunal supremo paralelo ao que está atualmente em exercício, que é acusado de servir ao governo. O presidente do Legislativo, Julio Borges, juramentou 33 pessoas como magistrados do Tribunal Supremo de Justiça (TSJ).

Ao vivo